Terça, 09 de Agosto de 2022
20°

Pancada de chuva

Magé - RJ

Anúncio
Senado Federal Senado Federal

Aumento do preço do leite preocupa, diz Paim

O senador Paulo Paim (PT-RS) manifestou, em pronunciamento nesta quarta-feira (3), preocupação com o aumento do preço de produtos de primeira neces...

03/08/2022 às 17h30
Por: Redação Fonte: Agência Senado
Compartilhe:
Roque de Sá/Agência Senado
Roque de Sá/Agência Senado

O senador Paulo Paim (PT-RS) manifestou, em pronunciamento nesta quarta-feira (3), preocupação com o aumento do preço de produtos de primeira necessidade aos consumidores, especialmente do leite, muito usado na dieta de crianças em fase de crescimento e de idosos.

Segundo ele, o litro, em algumas localidades, já é vendido a R$ 10, o que inviabiliza o consumo diário do produto, obrigando as famílias a restringir a sua compra aos finais-de-semana.

Para Paim, é correta a afirmação de Patrícia Costa, supervisora do Departamento intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Segundo ela, disse o senador, a alimentação é questão de segurança nacional. Por isso, ele exige ação do governo.

 A falta de consumo de leite só faz aumentar a insegurança alimentar. Aliás, há mais de 100 milhões de brasileiros nessa situação. O país carece de planejamento, de políticas públicas a médio e longo prazos — disse.

Paulo Paim apontou ainda que, apesar dos elevados preços no mercado, o número de pequenos produtores de leite no Rio Grande do Sul caiu 50%,  de acordo com dados da Emater.

Para ele, a explicação para isso está na estiagem e na falta de incentivos. A elevação da remuneração dos produtores não acompanhou o mesmo ritmo do encarecimento da produção, decorrente do aumento do preço dos insumos, disse o senador. Esse cenário tem gerado escassez de leite, conforme informaram os produtores, em carta dirigida ao governo, citada por Paulo Paim.

 É importante lembrar que o aumento que o consumidor teve no litro de leite chegou a 130% e o aumento para o produtor ficou em torno de 30%. Essa situação não é justa. O consumidor pagando R$ 10 o litro e o produtor vendendo a R$ 2,80 o litro. Essa conta não fecha. É inexplicável — afirmou o senador.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Magé - RJ Atualizado às 05h20 - Fonte: ClimaTempo
20°
Pancada de chuva

Mín. 20° Máx. 21°

Qua 23°C 17°C
Qui 21°C 15°C
Sex 20°C 15°C
Sáb 22°C 13°C
Dom 23°C 14°C
Anúncio
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio