Terça, 09 de Agosto de 2022
20°

Pancada de chuva

Magé - RJ

Anúncio
Senado Federal Senado Federal

Rodovia recebe nome em homenagem ao ex-presidente João Goulart

Foi promulgada na sexta-feira (8) a Lei 14.396, de 2022, que denomina Rodovia Presidente João Goulart o trecho rodoviário da BR-153, compreendido e...

11/07/2022 às 13h45
Por: Redação Fonte: Agência Senado
Compartilhe:
Jango governou o Brasil de 1961 a 1964, quando foi destituído por golpe militar - PDT
Jango governou o Brasil de 1961 a 1964, quando foi destituído por golpe militar - PDT

Foi promulgada na sexta-feira (8) a Lei 14.396, de 2022, que denomina Rodovia Presidente João Goulart o trecho rodoviário da BR-153, compreendido entre as cidades de Cachoeira do Sul (RS) e Marabá (PA).

O projeto que deu origem à lei (PLS 503/2011), do ex-senador Aloysio Nunes Ferreira, foi vetado integralmente pelo presidente Jair Bolsonaro. Mas o veto foi derrubado por senadores e deputados na última sessão do Congresso, na terça-feira (5).

A decisão foi estabelecida por acordo entre os líderes partidários e o líder do governo, o senador Eduardo Gomes (PL-TO), para superar a pauta de vetos pendentes de votação. 

O PLS 503/2011 foi aprovado pelo Senado em 2012 e pela Câmara em setembro de 2020. 

Jango, como era popularmente conhecido, foi presidente da República de 1961 a 1964, quando foi destituído por um golpe militar.

"O presidente João Goulart talvez seja um dos personagens mais injustiçados de nossa história recente", afirma Aloysio Nunes na justificativa do projeto.

Motivos do veto

Em justificativa ao veto, o presidente da República alegou que "tal medida é inoportuna por não considerar as especificidades e as peculiaridades de cada estado", pois "homenagear apenas uma figura histórica poderia representar descompasso com os anseios e as expectativas da população de cada unidade federativa abrangida pela rodovia".

O Executivo também argumentou que as homenagens a personalidades da história do país devem ser feitas em âmbito nacional e não "inspiradas por práticas dissonantes das ambições de um Estado democrático", sem especificar a que práticas se refere.

Herdeiro político de Getúlio Vargas, João Goulart (1918-1976) foi eleito vice-presidente duas vezes, em 1955 e 1960, pelo voto popular. Governou o Brasil de 1961 a 1964, tendo assumido o governo em razão da renúncia de Jânio Quadros (1917-1992), e em meio a uma crise institucional que levou à adoção do sistema parlamentarista. Em 1963, o presidencialismo foi restabelecido por plebiscito e Jango passou a governar com plenos poderes, até ser derrubado em 1964. Ele se exilou no Uruguai, onde morreu.

Por Raíssa Portela, sob supervisão de Sheyla Assunção

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Magé - RJ Atualizado às 04h40 - Fonte: ClimaTempo
20°
Pancada de chuva

Mín. 20° Máx. 21°

Qua 23°C 17°C
Qui 21°C 15°C
Sex 20°C 15°C
Sáb 22°C 13°C
Dom 23°C 14°C
Anúncio
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio