Quinta, 20 de Janeiro de 2022
Geral Pará

Obras de urbanização da orla e construção de muro de arrimo avançam em Salinópolis

O projeto, executado pelo governo do Estado, é fundamental para fomentar o turismo, a principal vocação econômica do município da costa atlântica paraense

08/01/2022 12h11
5
Por: Redação Fonte: Secom Pará

As obras de urbanização da orla e construção do muro de arrimo da Avenida Beira-Mar, em Salinópolis, município do nordeste paraense, avançam na área da antiga pracinha. Orçado em mais de R$ 56 milhões, o projeto é executado pelo Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Obras Públicas (Sedop), e deve ser concluído em 18 meses.

Localizada na orla da Avenida Beira-Mar, a área revitalizada tem uma extensão de aproximadamente 800 metros na linha da Praia do Maçarico, e uma área de urbanização em torno de 16.000 metros quadrados (m²). Atualmente, estão sendo realizados os trabalhos das estruturas de contenção do muro de arrimo, terraplenagem e drenagem, mobilizando quase 100 operários contratados no município.

Proprietária de uma hospedaria, a empresária Soraya Ventura aguarda com ansiedade pela entrega da orla, que segundo ela deve potencializar o turismo na região, gerando emprego e renda para os moradores. Há dois anos, ela abriu a “Casa da Praticagem”, para oferecer um novo tipo de experiência aos turistas. "É uma obra muito aguardada pelos moradores. Essa nova orla, com certeza, vai trazer mais desenvolvimento para Salinas. Isso vai trazer um benefício imenso para a cidade. Ver de volta as famílias caminhando, os turistas chegando, vai ser muito bom. A hospedaria vai ficar pequena com a quantidade de pessoas que vai aparecer", diz a empresária.

Revitalização- A urbanização executada ao longo da orla tem o objetivo de revitalizar a área da antiga pracinha. A proposta de intervenção visa tornar o local, novamente, em um elemento de integração urbana e social, reorganizando seu traçado e trazendo um espaço de convivência e lazer para a população local e aos turistas, bem como resgatar do abandono.

A proposta deve manter o traçado original preservado, implementando pequenas adaptações, como a nova área de interação urbana. Serão instalados novos postes, tornando a praça um lugar atrativo e seguro no período noturno, e áreas com quiosques, que podem ser usados apenas como abrigo ou para futuras instalações de lanchonetes terceirizadas, além de academia ao ar livre e parque infantil. Também serão feitas áreas de contemplação para o mar e escadaria de acesso ao segundo patamar.

O engenheiro civil Ruy Cabral, titular da Sedop, destaca a importância econômica e social do novo espaço. “Esta é uma obra de grande importância para o município de Salinópolis. Uma obra que vai garantir mais desenvolvimento e trazer segurança para moradores e visitantes da cidade. Vamos revitalizar e urbanizar a orla, criar nova pracinha e espaços que vão de acordo ao que o município pede, principalmente para desenvolver o turismo e sua economia. Além disso, também estamos trabalhando para garantir mais segurança para a orla, que vinha sofrendo risco de colapso e desabamento por conta dos desmoronamentos”, explica o secretário.

Proteção- O muro de arrimo vai servir de contenção de aterro com alturas variáveis, a ser executado ao longo do comprimento. A infraestrutura será composta por estacas-pranchas, como fundação, enquanto a parte superior terá a função de contenção do aterro. Também serão utilizados tirantes para compor a segurança contra deslizamentos, a fim de suportar os empuxos de terra provenientes do aterro.

Será feito ainda o sistema de drenagem, com colocação de drenos - tubos PVC rígidos devidamente ancorados e posicionados na parede do cais, revestidos do lado de dentro do muro com manta geotêxtil para retenção de partículas sólidas que, porventura, venham a ser levadas pelas águas pluviais.

“A obra aqui em Salinas é de contenção, para evitar o avanço da erosão e devolver à população uma área de lazer que estava esquecida. A obra vai incluir a criação de academias, espaços de lazer e estacionamentos”, informa Lourival Ferreira, engenheiro responsável pela obra.

O município de Salinópolis fica a cerca de 220 quilômetros de Belém, na costa atlântica paraense, na região Nordeste. Mais conhecido como Salinas, o município é um dos destinos de veraneio mais procurados no Estado, principalmente em feriados e meses de férias (janeiro e julho). Hotéis, pousadas e bares concentram-se na orla central e na Praia do Atalaia, a mais frequentada, fazendo do turismo a grande vocação econômica do município.

Por Bruno Magno (CPH)
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.